04/09/2017

Por que um adaptador/distribuidor de energia é útil?

LFBD-055: Bateria/Adaptador AC/Distribuidor conjugados em formato compacto e leve. Foto: Marcelo Ruiz





Mini-adaptador para alimentação. Bateria de 56W incorporada. Entrada para bateria auxiliar externa, entrada para adaptador AC externo, saídas reguladas e estabilizadas com 5, 8,4 e 9VCC mais uma saída direta de 12,6V 4A. Peso 360 gramas. Dimensões: 12 x 8 x 6 cm. 
Esse adaptador pode alimentar uma câmera DSLR, mais um monitor de vídeo, mais um gravador ou adaptador de áudio e um iluminador de LED pequeno por aproximadamente 2 horas. Quando ligado à energia elétrica através de transformador 110/220V para 12V a comutação entre bateria/AC é feita por chave sem desligar os equipamentos ao passar de uma fonte a outra.

Para alguns tipos de câmeras e trabalhos, é necessário agregar no mesmo setup diversos componentes, que assim como a própria câmera ou filmadora, necessitam de energia em voltagens específicas e com conexões variáveis. Monitores portáteis de vídeo ou visores tipo EVF ativos, luzes auxiliares de Led e gravadores/adaptadores de áudio são os mais comuns. Há ainda lentes, tablets, celulares e equipamentos de transmissão em tempo real que podem ser agregados ao conjunto.

Alimentar tudo isso corretamente, com as voltagens necessárias pode se tornar uma dor de cabeça. Mesmo usando baterias iguais às em uso na câmera, alguns desses equipamentos, caso necessitem uma fonte externa com maior autonomia, tem requisitos de voltagens bem específicos. Outros tem sua própria bateria interna, mas precisam ser recarregados com mais frequência ou serem usados com adaptadores de energia AC, para tempos de uso prolongado. 

Então forma-se aquela confusão de cabos, adaptadores, transformadores, carregadores de baterias e elas mesmas, que devem andar na mochila do operador. E sem esquecer a boa e velha régua de tomadas. Afinal podem ser 4 ou 5 delas para alimentar tudo. Em muitos eventos, encontrar uma tomada disponível já é complicado. E ainda tem o problema da instabilidade de energia em alguns casos. 

 A vantagem dos adaptadores/reguladores é, além de manter as saídas com tensão constante, independentemente da voltagem de entrada (baterias ou AC), permitir a troca de uma fonte de energia à outra (comutação AC/baterias) sem o desligamento dos equipamentos ligados a eles. Então o operador pode estar com a câmera fixa em um tripé, por exemplo, alimentada pela rede de energia elétrica, desconectar o cabo de alimentação do adaptador e passar a usar a câmera e seus equipamentos na mão ou no ombro, sem interrupção da captação. 

Ele acaba atuando como uma espécie de no-break evitando o desligamento dos equipamentos ligados a rede elétrica do local do evento, caso haja interrupção no fornecimento de energia. Aliás coisa muito comum de acontecer, inclusive por pessoas transitando que podem tropeçar nos cabos de energia ou um desligamento acidental da régua de distribuição. 



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por sua participação! Asim que eu puder, vou responder! Volte sempre!

Marcelo Ruiz